Reforço celebrado, Kalou precisa mostrar mais no Botafogo

0 comentários

Blog da Redação

Blog da Redação

Compartilhe

Salomon Kalou em Botafogo x Fluminense | Campeonato Brasileiro 2020
Vítor Silva/Botafogo

Kalou chegou com pompa, a torcida festejou nas redes sociais, o número de sócios aumentou e o Botafogo fez grande evento de apresentação. A expectativa é alta, contudo, está faltando o detalhe principal: o futebol.

O início até foi promissor, com o gol contra o Corinthians e boa atuação na derrota por 3 a 2 para o Vasco, no jogo em que chegou da formatura na França.

Bandana da Costa do Marfim e Faixa Konichiwa da Estilo Piti

Mas a sequência não é animadora. Aos 35 anos, Kalou tem dificuldades em encontrar seu melhor posicionamento em campo, em produzir e em concluir lances de ataque. Neste domingo, ele esteve apagado no empate em 1 a 1 com o Fluminense.

Em três jogadas o marfinense mostrou um pouco do que se espera dele: uma infiltração e chute cruzado para fora, um passe para Caio Alexandre bater por cima e um cruzamento para Rhuan cabecear na trave.

Só que foi muito pouco, diante de Danilo Barcelos. Matheus Babi e Pedro Raul levaram mais perigo e dificuldades ao Fluminense, que atacou bastante pelo lado em que Kalou deveria ajudar mais na marcação. No fim, saiu para a entrada de Warley.

É cedo para julgar Kalou ou dizer que não será útil, já que vinha de longo tempo de inatividade e agora joga toda quarta e domingo. Mas vai caber a Bruno Lazaroni o desafio de encontrar a melhor posição e ao marfinense a missão de melhorar seu desempenho.

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas