Diego Abreu, centroavante, 15 anos de idade, um dos artilheiros das categorias de base do Defensor Sporting, segue firme os passos do pai Loco Abreu, um dos maiores ídolos da história recente do Botafogo. Em recente entrevista no Uruguai, Diego disse que recebe ensinamentos do eterno camisa 13 alvinegro e que guarda a torcida do Fogão na memória até hoje.

– Meu pai me dá conselhos e quando alguém diz que vou ser melhor que ele, ele contesta e diz que primeiro tenho que alcançá-lo – relatou ao jornal Ovación. O jovem aproveitou para contar também que a melhor lembrança que tem da carreira de Loco Abreu é do Brasil.

– No Botafogo, onde se tornou ídolo. Cada vez que íamos ao estádio, cantavam o nome dele.

Hoje no Deportivo Magallanes, do Chile, Abreu jogou no Glorioso de 2010 a 2012, Diego ainda era criança (7-9 anos).

Quando atuava pela seleção uruguaia, Loco Abreu escutava conselhos do filho Diego (Foto: Reprodução/Twitter)

 

Veja vídeo de lances dos primeiros passos da carreira de Diego Abreu: