Postura de Honda é de se elogiar. Pode liderar elenco do Botafogo

0 comentários

Blog do Mansell

Blog do Mansell

Compartilhe

Keisuke Honda em Fortaleza x Botafogo | Campeonato Brasileiro 2020
Reprodução/Premiere

Honda não foi bem contra o Flamengo. A expectativa é de que em um clássico o jogador, principal estrela do Botafogo até Salomon Kalou estrear, chamasse a responsabilidade. Foi discreto. Mas após a partida não arrumou desculpas para dizer que fez isso ou aquilo. Muito menos colocou a culpa em algum problema ou nas condições de jogo. Simplesmente admitiu que não esteve bem.

Banner da loja do FogãoNET para faixa Konichiwa

Na postagem nas redes sociais escreveu: “Não joguei bem hoje. Mas estou orgulhoso de todos os jogadores que deram o seu melhor. É assim que devemos acreditar”. Honda tem postura de líder. Poderia ter ficado calado. Ainda não será alvo de críticas. Precisaria de outros jogos ruins para começar a ser questionado. Assim demonstrou uma postura de grandeza. Quis dar apoio aos companheiros que fizeram bem suas funções.

Honda tem tudo para evoluir no Botafogo

Honda em ação contra o Flamengo (Foto: Vitor Silva/Botafogo)

Mochilas, bolsas e carteiras da coleção FogãoNET da Estilo Piti

Infelizmente nos acostumamos aos jogadores brasileiros, cada vez mais estrelas, se irritarem com perguntas sobre o próprio desempenho. Rebaterem atuações ruins com os mais variados tipos de desculpas que vão desde a qualidade do gramado até a chuteira, passando pelo clima.

Aos poucos Honda vai exercer uma liderança natural sobre o elenco. Em conjunto com outros líderes do grupo. Honda e o Botafogo ainda têm muito a evoluir. Ele tem bola para isso. O Alvinegro capacidade de evoluir.

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas