DIEGO CAVALIERI: 5,0
Sem culpa nos gols e sem trabalho no restante do jogo

MARCINHO: 4,0
Os adversários já perceberam que devem forçar o jogo em cima dele. Sofreu na defesa e quase não atacou

MARCELO BENEVENUTO: 5,5
O menos pior da defesa. Desarmes e cortes providenciais

GABRIEL: 4,0
Destoou totalmente de suas outras atuações. Nos dois gols foi facilmente antecipado por Romário

JONATHAN: 5,5
Fez partida correta, marcando no seu setor e dando opção de jogo

ALEX SANTANA: 6,5
Fica sobrecarregado de primeiro volante, tendo que marcar atrás e sair para o jogo. Melhor mais solto. Foi ao ataque e fez mais um gol

CÍCERO: 4,5
Melhorou um pouco, mas segue em ritmo lento e sem intensidade. Deveria ser reserva

GUSTAVO FERRAREIS: 6,0
Errou algumas jogadas, mas foi quem mais buscou jogo e tentou jogadas. Começou o primeiro gol

RODRIGO PIMPÃO: 6,5
Correu o tempo todo, errou algumas vezes, mas não desistiu. Premiado com um gol

ERIK: 5,0
Atuação apagada. Só correu, pouco produziu

DIEGO SOUZA: 4,0
Não foi perigoso nem efetivo no ataque. Perdeu a bola do primeiro gol do Americano

JOÃO PAULO: 6,5
Entrou bem no jogo, com passes em profundidade e movimentação

LUIZ FERNANDO: 4,0
Não entrou mal, correu, se movimentou e fez boas jogadas. Mas perdeu dois gols fáceis e comprometeu o resultado

IGOR CÁSSIO: sem nota
Pouco tempo em campo

ZÉ RICARDO: 3,5
Repetiu a escalação que não funcionou no primeiro tempo com a Portuguesa e de novo não teve resultados. Nas alterações, tirou os melhores do time na partida. A equipe não evolui nem ganha força ofensiva

Fonte: Redação FogãoNET