Inacreditável. Após iniciar a mil por hora e abrir uma boa vantagem, o Botafogo permitiu a virada do Fluminense no segundo tempo e perdeu por 3 a 2 no clássico da noite desta quinta-feira, no Estádio Nilton Santos. A derrota complicou o Glorioso na briga para chegar às semifinais da Taça Rio. Com quatro pontos, está a três do vice-líder do Grupo B, o Nova Iguaçu.

O Botafogo começou com muita intensidade, sufocando o Fluminense. Talvez seus melhores 25 minutos de toda a temporada. Fez 2 a 0 em apenas 25 minutos, duas vezes com Roger. Primeiro, recebendo passe açucarado de Pimpão em profundidade. Depois, não desperdiçando a assistência de Montillo. O time tirou um pouco o pé e Sornoza, do Fluminense, acertou o travessão.

Renan Fonseca foi o mais vaiado pela torcida (FOTO: Vitor Silva/SSPress/BFR)

Na volta do segundo tempo, o Fluminense voltou melhor e conseguiu a virada em apenas 23 minutos. Richarlison fez os dois primeiros, aos 11 e 16 minutos. É bem verdade que, entre eles, Renan Fonseca, que entrou no intervalo no lugar de Carli, com um trauma no pé, acertou o travessão, numa boa cabeçada. Não demorou muito e Renato Chaves virou o jogo.

Vaiado pelos poucos e heróicos torcedores que vão chegar em casa de madrugada e perderam o jogo da Seleção Brasileira, o Botafogo volta a campo no domingo para enfrentar o Bangu, às 16h, em Moça Bonita, no reencontro com o ídolo Loco Abreu. Ao fim da rodada, o Botafogo ocupa apenas a quinta colocação na classificação geral, com 11 pontos.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 2 X 3 FLUMINENSE

Local: Estádio Nilton Santos
Data/Hora: 23/3/2017 – 21h45
Árbitro: Mauricio Machado Coelho Junior (RJ)
Assistentes: Gabriel Conti Viana (RJ) e João Luiz Coelho de Albuquerque (RJ)
Renda e público: R$ 105.610,00 / 6.225 pagantes / 6.776 presentes
Cartões amarelos: Victor Luis, Airton, Bruno Silva e Guilherme (BOT); Wendel e Henrique (FLU)
Cartões vermelhos:
Gols: Roger 16’/1ºT (1-0), Roger 25’/1ºT (2-0), Richarlison 11’/2ºT (2-1), Richarlison 16’/2ºT (2-2) e Renato Chaves 23’/2ºT (2-3)

BOTAFOGO: Saulo; Marcinho, Carli (Renan Fonseca – Intervalo), Emerson Silva e Victor Luis; Airton, Bruno Silva, Camilo e Montillo (Guilherme 30’/2ºT); Rodrigo Pimpão e Roger (Sassá 20’/2ºT) – Técnico: Jair Ventura.

FLUMINENSE: Diego Cavalieri; Renato, Henrique, Renato Chaves e Léo Pelé; Douglas, Luiz Fernando (Wendel – Intervalo) e Sornoza; Wellington Silva, Richarlison (Marquinho 37’/2ºT) e Henrique Dourado (Pedro – Intervalo) – Técnico: Abel Braga.

Fonte: Redação FogãoNET