O Botafogo poderia ter conquistado a terceira vitória seguida no Campeonato Brasileiro, mas fez um segundo tempo abaixo do que apresentou nos primeiros 45 minutos e cedeu o empate ao ex-líder São Paulo em 2 a 2 na tarde deste domingo, no Estádio Nilton Santos. O Glorioso foi a 33 pontos e manteve-se na 12ª colocação. Agora, o Fogão vira a chave para decidir uma vaga nas quartas de final da Copa Sul-Americana, quarta-feira, contra o Bahia.

Se o gol no começo estava sendo um tormento, desta vez o Botafogo soube usá-lo a seu favor. O Alvinegro iniciou a partida pressionando e, logo com quatro minutos, Sidão já teve que trabalhar, em cabeçada de Gustavo Bochecha. No lance seguinte, após escanteio da direita, Gustavo Bochecha desviou no primeiro pau e Jean completou na segunda trave para abrir o placar e fazer a festa da torcida: 1 a 0.

Porém, num lance de sorte, o São Paulo acabou empatando dois minutos depois. Nenê pegou a bola e arriscou de fora da área, a bola desviou em Igor Rabello, desviou em Carli e sobrou para Diego Souza, em posição de impedimento, empatar – o lance gerou interpretações distintas. Mas o Botafogo manteve-se melhor e conseguiu ficar à frente novamente aos 24 minutos: Kieza fez ótima tabelinha com Érik, dominou no peito e marcou um golaço, fazendo 2 a 1.

O segundo tempo foi diferente. O São Paulo retornou do intervalo com mais presença ofensiva, e o Botafogo não conseguiu produzir muita coisa. Só mesmo no começo, numa cabeçada perigosa de Igor Rabello que saiu por pouco. Ex-líder, o Tricolor conseguiu o empate aos 17 minutos contando com uma falha de Saulo. Reinaldo cobrou falta lateral com força, o goleiro alvinegro rebateu para o meio da pequena área e Gonzalo Carneiro conferiu: 2 a 2.

Com o placar empatado, a partida ficou mais brigada do que jogada. Nos acréscimos, brilhou a estrela do goleiro Saulo, que se redimiu. Ele fez duas defesaças em sequência aos 48 minutos e evitou que o São Paulo saísse vencedor. Mas o empate acabou não agradando a ninguém: o Botafogo poderia terminar a rodada na nona colocação, e o Tricolor buscava retomar a liderança, agora nas mãos do Palmeiras.

Próximos jogos

O Botafogo agora muda a chavinha e passa a pensar na Copa Sul-Americana. Após perder o primeiro jogo por 2 a 1, o Glorioso recebe o Bahia nesta quarta-feira, às 21h45, no Estádio Nilton Santos lotado, em busca da vaga nas quartas de final. Pelo Campeonato Brasileiro, o próximo compromisso será na terça-feira, dia 9 de outubro, contra o Vasco, às 21h, também no Niltão.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 2 X 2 SÃO PAULO

Estádio: Nilton Santos
Data/Hora: 30/9/2018 – 16h
Árbitro: Rafael Traci (PR)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn (PR) e Rafael Trombeta (PR)
Renda e público: R$ 285.760,00 / 18.403 pagantes / 19.976 presentes
Cartões amarelos: Gustavo Bochecha (BOT); Ânderson Martins e Liziero (SAO)
Cartões vermelhos:
Gols: Jean 5’/1ºT (1-0), Diego Souza 7’/1ºT (1-1), Kieza 24’/1ºT (2-1), Gonzalo Carneiro 17’/2ºT (2-2)

BOTAFOGO: Saulo; Marcinho, Carli, Igor Rabello e Moisés; Jean (Matheus Fernandes 47’/1ºT), Rodrigo Lindoso e Gustavo Bochecha; Luiz Fernando, Erik (Rodrigo Pimpão 31’/2ºT) e Kieza (Brenner 36’/2ºT) – Técnico: Zé Ricardo.

SÃO PAULO: Sidão; Bruno Peres (Liziero 29’/2ºT), Bruno Alves, Ânderson Martins e Edimar (Gonzalo Carneiro 11’/2ºT); Jucilei, Hudson e Nenê (Rodrigo Caio 36’/2ºT); Joao Rojas, Reinaldo e Diego Souza – Técnico: Diego Aguirre.

Fonte: Redação FogãoNET