Desde a saída da Caixa, em fevereiro, o Botafogo está sem patrocínio master no uniforme. O departamento comercial do clube teve negociação com o Sicoob (Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil), mas não aprovou os valores. O vice-presidente comercial e de marketing, Ricardo Rotenberg entende que uma proposta baixa desvalorizará a marca. A informação é do site “Globoesporte.com”.

Por outro lado, o clube tem situação resolvida em relação a fornecimento de material esportivo, com a volta da Kappa. A empresa pediu 90 dias para produzir e entregar pelo menos 100 mil uniformes, segundo o “Globoesporte.com”.

Até setembro, o Botafogo seguirá utilizando os uniformes da Topper.

Fonte: Globoesporte.com