Um assunto que vem deixando a torcida do Botafogo ansiosa nos últimos meses é sobre a possível entrada dos irmãos Moreira Salles para o comando do futebol do clube. O tema vem andando nos bastidores e ganhou novos contornos nesta semana, durante reunião do Conselho Deliberativo. Na oportunidade, o presidente Nelson Mufarrej respondeu indagações e fez algumas confirmações aos presentes, como uma nova reunião do Deliberativo para tratar exclusivamente este assunto em março.

Os questionamentos foram levantados pelo conselheiro Marcelo Guimarães. Após saudar a chegada dos Moreira Salles e defender a profissionalização com contratação de executivos do mercado, ele indagou ao presidente Nelson Mufarrej sobre o tema para o futebol do clube. Prontamente, o mandatário confirmou estudo da Ernst & Young encomendado pelos irmãos – que teve início na última segunda-feira –, afirmou ainda não ter proposta e concluiu dando o prazo do novo encontro.

Depois do fim deste estudo, a partir de então, com o resultado será apresentado e o melhor modelo de trabalho será proposto. Possivelmente, mais de um modelo de gestão será apresentado. Vale lembrar que os irmãos Moreira Salles já haviam sido decisivos para a compra do Espaço Lonier, em Vargem Pequena, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, que vai abrigar o centro de treinamento do time profissional e de parte das categorias de base do Alvinegro, com previsão de início de uso das dependências no segundo semestre.

Em um primeiro momento, internamente, a chegada dos irmãos Moreira Salles não deve encontrar muita resistência no Conselho Deliberativo do Botafogo. Na reunião desta semana, quando o tema acabou sendo levantado e depois comentado por Nelson Mufarrej, um dos conselheiros presentes se disseram contra a possível “compra” do futebol do clube pelos irmãos, mas foi ação isolada. Entretanto, vale lembrar, os termos de um futuro acordo entre as partes serão definidos somente depois do fim do estudo encomendado junto da Ernst & Young, o que pode fazer com que posicionamentos sejam alterados.

Fonte: Terra