Engenhão só abre em 2015, caso obra ocorra como previsto

Compartilhe:

Em coletiva realizada nesta sexta-feira, na sede da prefeitura do Rio de Janeiro, o torcedor carioca, principalmente o do Botafogo, soube de quanto tempo vai precisar para voltar a utilizar o Engenhão: um ano e meio. Devido a problemas estruturais em sua cobertura, o estádio precisará passar por um obras de reparo e será reaberto, caso tudo ocorra dentro do previsto, apenas em 2015.

A informação foi dada após a apresentação por engenheiros da Odebrecht, empresa responsável pela construção final do estádio em 2007, e da Comissão Especial criada pela prefeitura para o caso. Segundo estudos realizados pelos engenheiros, o estádio tem realmente falhas graves em sua estrutura e terá de ser submetido a diversas obras. 

“”Diante das considerações expostas e da avaliação de toda a documentação disponibilizada, esta comissão entende que o reforço estrutural imediato da cobertura é imprescindível para que possa ser utilizado com os níveis mínimos de segurança exigidos pela legislação vigente”, disse o engenheiro Sebastião Andrade ao ler o parecer da comissão que estudou a estrutura do estádio. 

Interditado no dia 28 de março pelo prefeito Eduardo Paes, o Engenhão aguardava estudos realizados pela comissão indicada pela prefeitura para saber quanto tempo seria necessário. Em maio, a prefeitura suspendeu a concessão do estádio ao Botafogo, válida até 2027. Por isso, o clube não precisa mais arcar com os custos de manutenção do estádio.

Fonte: ESPN.com.br

Comentários