Jair Ventura é claro quanto ao seu critério nas escalações: entra quem estiver em melhor momento. Não existe melhor oportunidade, portanto, para que Sassá possa mostrar ao treinador que já tem condições de ser titular. Devido à expulsão de Rodrigo Pimpão na vitória de domingo sobre o Bangu, Sassá deve começar como titular em uma partida oficial pela segunda vez na temporada contra a Portuguesa, nesta quinta-feira. Ele não começa jogando desde o dia 28 de janeiro, em partida contra o Nova Iguaçu.

O atacante já vem tendo boas atuações, mas suas pretensões de figurar entre os onze iniciais tem sido dificultadas pelos companheiros de ataque Rodrigo Pimpão e Roger, que também vêm sendo decisivos — Pimpão é muito importante na campanha do clube na Libertadores e Roger marcou dois gols no clássico contra o Fluminense.

Entretanto, Rodrigo Pimpão pode ter dado a chance que Sassá esperava. Desde que foi reintegrado ao grupo, o atacante vem entrando bem: foi ele quem armou a jogada do segundo gol contra o Estudiantes, no Engenhão, pela Libertadores, e quem fez o último gol do jogo contra o Bangu. Quinta-feira, ele tentará mostrar que também é capaz de decidir as partidas como titular.

Não se sabe a posição do ataque em que o treinador prefere colocá-lo. Se ele atuar pelos lados, compete com Camilo e Pimpão. Caso seja usado como centroavante, a competição será com Roger.

Fonte: Extra Online