Sassá revela que quis sair do Bota e brinca sobre foto: ‘O dinheiro até acabou’

Compartilhe:

A temporada de 2017 começou nebulosa para Sassá. Afastado do Botafogo, por indisciplina, o jogador esteve próximo de deixar o Glorioso, logo na temporada em que a equipe disputava a Libertadores. Porém, o jovem já começou a dar a volta por cima. Reintegrado ao elenco, o atacante já marcou três vezes neste ano. Em entrevista ao Sportv, ele explicou toda a polêmica e revelou que estava decidido a deixar o Alvinegro.

“Quando aconteceram essas coisas, eu me calei, esperei o momento certo para esclarecer tudo. Falar que não era aquele Sassá, aquele monstro que estavam criando de mim. Sassá é um cara brincalhão. Vou escolher as brincadeiras, só esconder fotos com dinheiro (risos). Antigamente a gente não tinha dinheiro nem para lanchar, correria, trem lotado, acordar cedo para treinar. Agora que temos, postamos, dá repercussão negativa (…) Eu não queria mais ficar no Botafogo não, falei com meu empresário, queria sair, porque fiquei chateado. Roí o osso o ano inteiro. Ficamos na zona de rebaixamento. Conseguimos encaixar. Fui um dos vice-artilheiros do campeonato. Dei alguns moles mesmo, normal pela idade, não vamos acertar sempre, mas do nada me tiram da Libertadores. Fiquei bastante chateado”, afirmou.

A polêmica foto em que aparece sem camisa segurando várias cédulas de dinheiro foi alvo de muitas brincadeiras de Sassá. Em tom de gozação, o atacante afirmou que a repercussão foi tanta, que ele acabou gastando rapidamente a quantia que recebeu.

“Eu até falo para os caras que, de tanto as pessoas repostarem essa foto, o dinheiro até acabou já. Toda hora que sai foto com Sassá, é foto com dinheiro. Acabaram com o dinheiro… Foi uma brincadeira de vestiário. Recebemos a premiação, no final do ano. Vaga na Libertadores. Acostumado a passar férias… olho e vejo aquilo. Falei “Deus do Céu”, nem cavalo aguenta. Foi uma brincadeira que tomou um rumo diferente. Eu não tinha essa noção. Conversei com o Jefferson e ele disse que eu não mudei, sou a mesma pessoa, mas, conforme vai aparecendo, fazendo gol, a sua repercussão é bem maior. Não tinha essa noção de que tinha muito mais gente olhando. Uso a rede social para brincar. Mas agora estou um pouco mais tranquilo”, disse.

Sassá ainda revelou que a sua permanência no Botafogo dependeu de um incentivo a mais que recebeu na vida pessoa. O jogador vai ser pai.

“Estava sem ânimo nenhum para ficar no Botafogo. Meu filho vai nascer agora, então quando o presidente perguntou se eu seria feliz voltando a jogar, falei que era do Rio, com meu filho nascendo, que queria jogar. Queria voltar a ser feliz aqui dentro porque estou no Botafogo há oito anos. Chegamos a um acordo. Aí as coisas começaram a acontecer de novo”, disse.

Fonte: O Dia Online e Sportv