Enfim, a vitória fora de casa. O Botafogo conquistou na noite deste sábado seu primeiro triunfo como visitante no Campeonato Brasileiro ao derrotar o Vasco por 2 a 1, em São Januário. Kieza e Igor Rabello fizeram os gols do Glorioso, com Andrey descontando. Agora na primeira página na classificação, em décimo lugar, o Fogão terá pela frente o Ceará, quarta-feira, às 19h30, no Estádio Nilton Santos.

Continua Depois da Publicidade

Com uma postura diferente, marcando forte e agrupado na frente, o Botafogo começou já em vantagem. Logo aos quatro minutos, Jean, ex-jogador do rival, ganhou na insistência no lado direito e cruzou para Kieza completar no meio da área, fazendo 1 a 0. O Vasco, que já entrou pressionado, ficou totalmente abatido em campo, não conseguindo sair da marcação do Glorioso, que fez um primeiro tempo impecável.

A única chegada perigosa do time da casa foi logo após o primeiro gol do Botafogo, em chute de Yago Pikachu que saiu à direita do goleiro Jefferson. O zagueiro Carli, de cabeça, quase fez o segundo, no 16º minuto. Soberano, o Fogão ampliou no jogo aéreo aos 35: Leo Valencia cobrou falta e Igor Rabello subiu e testou. Vaias da torcida vascaína, gritos de “silêncio no chiqueiro” do lado botafoguense.

Continua Depois da Publicidade
Igor Rabello fez o segundo gol, de cabeça (FOTO: Vitor Silva/SSPress/BFR)Igor Rabello fez o segundo gol, de cabeça (FOTO: Vitor Silva/SSPress/BFR)

Mas, como sempre, nada é fácil para o Botafogo. O Vasco voltou para o segundo tempo melhor, com mais organização e mais vontade. Yago Pikachu começou assustando. E, num lance que parecia não dar em nada, o time da casa conseguiu diminuir. Andrey arriscou do meio da rua, a bola fez uma curva e o goleiro Jefferson não conseguiu evitar que o placar mudasse para 2 a 1.

O gol vascaíno reacendeu a torcida local, mas o Botafogo teve chances de fazer o terceiro. Aos 19 minutos, Marcelo Santos arriscou de longe e a bola passou perto, saindo por cima do gol. Sete minutos depois, Erazo saiu jogando errado e Kieza teve uma excelente oportunidade de fazer seu segundo gol, mas acabou parando na boa defesa do goleiro Fernando Miguel. Gol que poderia tranquilizar as coisas.

Continua Depois da Publicidade

Com o andar do relógio, o Vasco foi se desorganizando e o Botafogo conseguiu neutralizar bem a partida nos minutos finais. O Fogão ainda teve mais uma chance de fazer o terceiro, mas Fernando Miguel defendeu o chute de Luiz Fernando aos 39. No final, pressão do time da casa, mas em vão: festa da torcida do Botafogo, que ficou num pequeno espaço e não deixou de cantar um segundo sequer.

FICHA TÉCNICA
VASCO 1 X 2 BOTAFOGO

Estádio: São Januário
Data/Hora: 02/06/2018 – 19h
Árbitro: Raphael Claus (Fifa/SP)
Assistentes: Alessandro Rocha de Matos (Fifa/BA) e Danilo Simon Manis (Fifa/SP)
Renda e público: R$ 236.400,00 / 8.592 pagantes / 9.454 presentes
Cartões amarelos: Luiz Gustavo e Wagner (VAS); Rodrigo Pimpão, Jean, Rodrigo Lindoso e Marcinho (BOT)
Cartões vermelhos:
Gols: Kieza 4’/1ºT (0-1), Igor Rabello 35’/1ºT (0-2), Andrey 7’/2ºT (1-2)

Continua Depois da Publicidade

VASCO: Fernando Miguel; Luiz Gustavo, Erazo (Lucas Santos 35’/2ºT), Ricardo Graça e Fabrício (Ramon – Intervalo); Desábato, Andrey e Wagner; Yago Pikachu, Giovanni Augusto (Riascos 22’/2ºT) e Ríos – Técnico: Zé Ricardo.

BOTAFOGO: Jefferson; Marcinho, Carli, Igor Rabello e Moisés; Jean (Marcelo Santos 16’/2ºT), Rodrigo Lindoso, Marcos Vinicius (Rodrigo Pimpão 12’/1ºT) e Leo Valencia; Kieza e Aguirre (Luiz Fernando 24’/2ºT) – Técnico: Alberto Valentim.

Continua Depois da Publicidade

Fonte: Redação FogãoNET
Continua Depois da Publicidade

Comentários