Arena Pernambuco: torcida terá mais opções de transporte

Compartilhe:

Com a Arena Pernambuco já pronta para funcionamento após a disputa da Copa das Confederações, o Recife será palco de dois dos dez jogos da sexta rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, neste final de semana. Um deles é o do Náutico, que recebe a Ponte Preta no sábado. No dia seguinte, o clássico carioca entre Botafogo e Fluminense fecha o final de semana esportivo no local.

Por ser o primeiro final de semana de funcionamento sem a tutela da FIFA, que comandou as atividades na Copa das Confederações e no amistoso do Náutico contra o Sporting, os torcedores que forem para ao estádio nestes dois jogos terão muitas novidades. E a maioria delas começa logo no deslocamento.

– A característica principal de acesso preferencial passa a ser pela BR-408, mas mesmo assim estará disponível o modelo de acesso pela estação do metrô Cosme e Damião. A nossa expectativa é que a maioria chegue pela BR, comentou o presidente do consórcio Arena Pernambuco, Sinval Andrade.

arena pernambuco coletiva (Foto: Lucas Liausu)
Representantes da consórcio e do Governo detalham funcionamento da Arena (Foto: Lucas Liausu)

Como chegar

Ao contrário do que foi visto nos eventos anteriores, os estacionamentos estarão funcionando normalmente para que os torcedores se desloquem até o estádio com carros particulares pela BR-408. Serão 4 mil vagas disponíveis com os preços que variam de R$ 20 para veículos comuns até R$ 80 para ônibus e micro-ônibus. As vans pagarão R$ 30 enquanto as motos R$ 5. Todos os bilhetes estão sendo vendidos com antecedência, mas poderão ser comprados também no momento da partida.

Além dos carros particulares, outra maneira de locomoção que pode ser adotada pelos torcedores são os táxis, que terão um ponto de embarque e desembarque específico ao lado da Arena Pernambuco. Poderão circular pelo local veículos do Recife, Olinda, Camaragibe e São Lourenço da Mata.

Caso queiram permanecer utilizando o serviço que foi adotado durante a Copa das Confederações, os torcedores terão o acesso normalmente pelo metrô. Haverá uma linha com 13 ônibus saindo da estação Cosme e Damião até a Arena, num intervalo de dez minutos. Para utilizar esse serviço o torcedor terá que pagar a passagem do metrô, que custa R$1,60. Na volta, o torcedor pagará R$ 2,15 para sair do estádio de ônibus e fará a integração direta com o metrô na estação Cosme e Damião.

O torcedor que optar por ir direto de ônibus ao estádio terá o Terminal Integrado de Passageiros (TIP) como opção. As passagens dos 18 veículos que farão o trajeto custarão R$ 2,15 tanto na ida, quanto no retorno.

Greve dos rodoviários

A greve dos rodoviários que está acontecendo no Recife não tem data para acabar e caso continue até os dias dos jogos, a quantidade dos ônibus será reduzida. De acordo com o representante do Grande Recife Consórcios, Mário Sérgio, a Arena Pernambuco não será privilegiada.

– A greve não é de 100% e a porcentagem de ônibus que tiverem trabalhando nas ruas será a mesma dos que irão atuar para o torcedor. Não temos como deixar de lado o restante da população.

Setorização no estádio

Para os dois jogos deste final de semana, os representantes da Arena Pernambuco optaram por não cobrar a numeração exata das cadeiras. Será pedido nas entradas apenas para que os torcedores assistam ao jogo no setor onde compraram o ingresso.

– Ainda estamos recebendo a Arena com algumas estruturas da FIFA e por isso não vamos cobrar a numeração. Queremos evitar que o torcedor compre um ingresso para uma cadeira que não exista, comentou Sinval Andrade.

O torcedor que tiver alguma dúvida sobre qualquer parte do funcionamento da Arena poderá se dirigir a um dos quatro pontos de atendimento que estarão espalhados pelo interior do estádio

Fonte: Globoesporte.com

Comentários