Com duas vitórias seguidas em partidas no Rio, o técnico Eduardo Barroca ganhou fôlego e tranquilidade para implantar a sua filosofia de jogo no Botafogo. E o desafio que virá pela frente está longe de ser dos mais fáceis: o próximo compromisso será diante do Fluminense, sábado, às 16h, no Maracanã.Até lá, sem jogos no meio da semana, o treinador alvinegro terá tempo para preparar o time e fazer ajustes que considera necessários.

O próprio Barroca ressaltou a importância de a equipe ter conquistado os seis pontos em casa — vitórias sobre Bahia e Fortaleza —, mas pediu pés no chão ao elenco e advertiu que ainda há muito trabalho a ser feito. “Estamos nos dedicando muito para poder pontuar o máximo possível até a Copa América. Os jogadores têm trabalhado e se dedicado muito”, atestou.

Na avaliação de Barroca, o time ainda tem muito a evoluir, sobretudo no jogo coletivo. “Não estou satisfeito, precisamos ter um jogo mais controlado”, admitiu.

Em relação ao Fluminense, o treinador alvinegro projetou que as dificuldades serão várias, destacando que o trabalho de Fernando Diniz é dos mais consistentes: “Vamos tentar nos superar, jogar outro jogo de alto nível”, afirmou Barroca.

Fonte: O Dia Online