Durante o programa Linha de Passe, da ESPN, na noite da última segunda-feira, os comentaristas Paulo Vinícius Coelho e Mauro Cezar Pereira subiram o tom ao discutir sobre os motivos que culminaram no rebaixamento do Botafogo para a segunda divisão.

A discussão começou a ficar mais quente quando PVC disse que o fechamento do Engenhão atrapalhou o planejamento financeiro do clube carioca. “É discutível”, interrompeu Mauro Cezar. “Só o Botafogo joga lá”, continuou.

“Não é discutível”, respondeu Paulo Vinícius Coelho, contrariado. “Teve muitas convenções”, disse.

“Pouquíssimos eventos. Você acha que isso gera toda esta receita? Gostaria de ver estes números, publica no seu blog. O estádio estava abandonado”, provocou.

“Mauro, não foge da questão central. Eu fui muito claro, você me interrompeu”, rebateu PVC.

“Eu estou tentando ser claro também, se você me permitir. Então termina seu discurso. Você está falando há um tempão, pode acabar. Eu fico aqui não falo mais nada então”, reclamou Mauro Cezar, que depois acabou interrompendo outra vez o colega.

O bate-boca só se acalmou quando Juca Kfouri se envolveu, abrindo espaço para o mediador, Paulo Andrade chamar o intervalo.

Fonte: UOL