Botafogo revê Figueirense na Copa BR 6 anos ‘após Ana Paula’

Compartilhe:

O jogo da noite desta quarta-feira entre Botafogo e Figueirense será a reedição de um confronto marcado pela polêmica com a bandeirinha Ana Paula Oliveira em 2007, pela mesma Copa do Brasil. Desta vez, o embate é válido pela terceira fase da competição nacional e será disputado no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, às 21h50.

Há seis anos, o Botafogo apontou a bandeirinha como responsável pela eliminação na semifinal do torneio em pleno Maracanã. A auxiliar de arbitragem anulou dois gols por impedimento do Alvinegro, que precisava de uma vitória por três tentos de diferença para se classificar para a grande decisão – e ganhou por “apenas” 3 a 1. A vantagem do Figueirense foi criada no jogo de ida, no Orlando Scarpelli, onde o time dominou o adversário e venceu por 2 a 0.

O episódio contribuiu para que a bandeirinha se aposentasse do futebol pouco depois e apostasse na carreira artística, como na participação no programa “A Fazenda”, da TV Record, em 2011. A polêmica também aumentou projeção a Ana Paula, que chegou a posar para a Playboy ainda em 2007. Até hoje, a auxiliar de arbitragem ainda é lembrada pela torcida alvinegra pela atuação na partida.

Questionado sobre a lembrança, o técnico Oswaldo de Oliveira mostrou não temer o trauma do passado. O comandante do Botafogo ressaltou que nenhum dos atuais jogadores do clube estava presente na eliminação de 2007, nem mesmo o goleiro Renan, que subiu aos profissionais do clube em 2008 e é o atleta mais antigo do elenco.

“Temos remanescentes somente na comissão técnica. Nem lembrava desse episódio para falar a verdade. Estava no Japão na época e acompanhei de longe. Temos que encarar com naturalidade. O Figueirense é um adversário difícil, mas temos que procurar bater para avançar”, disse Oswaldo de Oliveira, que treinava o Kashima Antlers-JAP em 2007.

Já o Figueirense tentará repetir o feito de eliminar o Botafogo na Copa do Brasil como em 2007. O time hoje se encontra na Série B do Brasileiro, mas sonha em repetir a trajetória daquele ano, quando foi derrotado apenas na decisão pelo Fluminense, na melhor campanha de sua história. Para isso, a equipe de Adilson Batista sabe que precisa parar o meio-campo alvinegro.

“Eles têm um meio de campo com muita força, além do Seedorf. Todos eles se movimentam muito. Além disso, o Botafogo tem um ataque com um poder forte de finalização. Temos que neutralizar bem essas peças do time deles para querer algo”, analisou o volante Luan.

O segundo jogo do confronto está marcado para o dia 24 de julho, no Orlando Scarpelli. Pelo Brasileiro, o Botafogo volta a campo no domingo, no clássico contra o Fluminense, na Arena Pernambuco. Já o Figueirense enfrenta o Boa Esporte Clube no sábado, em Florianópolis-SC, pela Série B.

BOTAFOGO x FIGUEIRENSE

Data e horário: 03/07/2013 (quarta-feira), às 21h50h.
Local: Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ).
Transmissão na TV: TV Globo, SporTV e ESPN Brasil.
Árbitro: Guilherme Ceretta de Lima (SP)
Auxiliares: Herman Brumel Vani (SP) e Fabio Rogerio Baesteiro (SP)

Botafogo
Jefferson; Lucas, Bolívar, Dória e Julio César; Marcelo Mattos, Gabriel, Vitinho, Seedorf e Lodeiro; Rafael Marques
Técnico: Oswaldo de Oliveira

Figueirense
Volpi; André Rocha, Thiego, Douglas e Saci; Ronaldo Três (Luan), Nem, Maylson e Rodrigo; Rafael Costa e Ricardinho
Técnico: Adilson Batista

Fonte: UOL

Comentários