O lateral-esquerdo Jonathan não não é mais jogador do Botafogo. O atleta de 21 anos teve 75% dos direitos econômicos negociados com o Almería, da Espanha, pelo valor de um milhão de euros (cerca de R$4,5 milhões). A quantia será usada pelo clube para quitar os salários de junho de parte do elenco na CLT e de funcionários. O Alvinegro dividia em 50% com o Nova Iguaçu os direitos do atleta. Com a transação, o clube da Baixada e o Bota mantém 12,5% cada, em eventuais futuras vendas.

Jonathan foi contratado ao Nova Iguaçu para integrar as categorias de base do Botafogo e fez a estreia no profissional, no início de 2019, no Campeonato Carioca. O lateral disputou 17 partidas na temporada e marcou dois gols. Ele chegou a ser titular, mas perdeu a vaga para Gilson, no Brasileirão, em junho.

O jogador já se despediu dos companheiros para se apresentar ao novo clube na Espanha, com quem assinou por cinco anos.

Fonte: Terra