O Botafogo viveu um período de ouro no primeiro semestre de 2017, quando teve bom desempenho na Libertadores. A campanha impulsionou o plano de sócio torcedor que bateu recorde ao quase atingir 35 mil alvinegros. O momento ficou no passado, e a realidade é bem mais dura que outrora.

Muitos torcedores, por exemplo, desistiram do plano de sócio, que despencou: são 26.894 torcedores atualmente. Isso reflete diretamente no público que tem ido aos jogos, já que o clube é somente o 16º lugar no ranking de média de público do Campeonato Brasileiro, com 9.101 pagantes. Soma-se a isso o péssimo momento do time, que luta contra o rebaixamento e o resultado não é nada bom.

Neste cenário, o Botafogo se vê entre a cruz e a espada. Com a torcida presente, se sente mais forte e faz jogos mais competitivos. O torcedor, porém, parece não estar muito afim de encarar o desafio em massa sem qualquer novidade positiva.

A diretoria, então, decidiu fazer algumas promoções para ter o torcedor ao seu lado. Contra o Corinthians, neste domingo, o ingresso mais barato vai custar R$ 2,50. A prática deverá trazer botafoguenses ao Nilton Santos, mas não escapou de polêmica ou de críticas.

A verdade é que muitos torcedores aderem ao plano de sócio por conta do benefício de ter ingressos mais baratos. O problema é que com as promoções, as entradas muitas vezes ficam mais baratas que o sócio paga com a mensalidade. Segundo apurou o UOL Esporte, o clube entende, mas vê a medida para evitar um possível rebaixamento, o que seria ainda pior para o plano.

O fato é que o Botafogo fará seu 16º jogo em casa no domingo neste Brasileiro, contra o Corinthians. E, novamente, haverá promoção de ingressos. Desde a volta da Copa do Mundo, a diretoria tem apelado para preços mais baratos, mas nem sempre tem conseguido atrair o seu torcedor.

De julho para cá, o setor norte, mais popular, custava R$ 20. Foi assim por três jogos, depois passou para R$ 10, R$ 6 e, agora, custará R$ 5.

Já a Leste Inferior, que concentra a maior parte das organizadas, voltou da pausa custando R$ 30 nas mesmas três partidas, alternou entre 10 e 20 reais em outros três jogos, até finalmente passar a R$ 20 reais nas últimas três partidas. No domingo custará R$ 10.

Para o jogo contra o Corinthians, o setor oeste, normalmente ocupado por sócios-torcedores terá ingressos a R$ 20 reais. Além disso, os sócios poderão levar um acompanhante.

Fonte: UOL