Decisão de não concentrar foi tomada antes de jogo com CRB

Compartilhe:

Na última segunda-feira, dia 20 de maio, os jogadores do Botafogo se reapresentaram para o treino, após ganharem folga no domingo. O clima no campo anexo do Engenhão não mostrava nada de diferente. Porém, a confirmação de que o clube não havia depositado os valores referentes ao mês de abril – que venceu naquele dia – fez um grupo de jogadores tomar a decisão de não se concentrar para a estreia no Brasileiro, contra o Corinthians, sábado, no Pacaembu, às 21h.

A ideia era reclamar com a diretoria apenas após o jogo contra o CRB, que tinha caráter decisivo após o empate em 0 a 0 no estádio Rei Pelé, em Maceió. Uma cobrança antes de um jogo decisivo poderia sair pela culatra e culminar com a eliminação da competição nacional.

Por isso, no treino de quinta-feira, o grupo liderado por Bolívar, Jefferson, Seedorf e Andrezinho, convocou uma reunião com os jogadores para externar toda a insatisfação com a situação e pedir o apoio dos “indecisos”. Bastante indignados e irados com o que estava acontecendo, eles ganharam o consentimento do restante do elenco e eles foram até a comissão técnica para saber o que o técnico Oswaldo de Oliveira e sua trupe achavam da decisão.

Com o apoio dado por Oswaldo e companhia, restou apenas a oficialização. Nesta sexta-feira, de manhã, as partes envolvidas no imbróglio farão uma nova reunião e novos episódios devem vir por aí.

Fonte: Lancenet!

Comentários