A lista, que pode ser entregue 48 horas antes do primeiro jogo da fase de grupos, é uma das incógnitas. Outra é a zaga alvinegra. Jair Ventura tem três boas opções e apenas duas vagas. Joel Carli, que voltou de lesão no último jogo, Emerson Silva e Marcelo disputam os lugares na defesa do Botafogo. No confronto com o Olimpia, o técnico não precisou fazer escolhas. O lateral-direito Jonas estava suspenso, e Marcelo foi deslocado para a posição.

Agora, estão todos liberados. Pelos treinos, Marcelo deve deixar o time. O jovem zagueiro foi bem nos jogos decisivos, mas Carli, que também teve bom retorno, leva certa vantagem pela experiência. Além de ser o capitão da equipe na ausência do goleiro Jefferson, que ainda se recupera de cirurgia.

Em sua quinta Libertadores, o Botafogo entra com expectativa alta, depois de passar com louvor por duas eliminatórias, embora tenha pela frente um grupo difícil. A esperança é repetir, ao menos, o desempenho de 1963, quando foi eliminado pelo Santos de Pelé, e de 1973. Nos dois anos, chegou à semifinal.

Fonte: Extra Online