derrota para o Avaí doeu no Botafogo. Os 2 a 0 para o então lanterna do Campeonato, com gols sofridos logo no início da partida, mais a pressão ineficaz, não são fáceis de serem digeridos. Por isso mesmo, o goleiro Gatito Fernández pede que o grupo “vire a chave” rapidamente. Já nesta quinta-feira o time terá o Atlético-MG, fora de casa, pela primeira partida das quartas de final da Copa do Brasil.

– Dá. Dá para fazer essa mudança e devemos fazê-la. Já temos um jogo agora, da Copa do Brasil. E que bom que tem um jogo perto. Vamos lá para buscar um bom resultado – pede o goleiro.

Sobre a partida contra a equipe catarinense, o paraguaio não se alonga. Entende que os visitantes foram felizes, o Botafogo, não, mas não quis se estender no tema.

– Eles conseguiram fazer gol após uma rebatida. No segundo gol, fomos em busca de empate, eles conseguiram um contra-ataque. Saímos para o ataque, iríamos para a terceira posição… o goleiro do Avaí foi muito bem – resumiu.

Fonte: Terra