Agora que a direção do Botafogo aceitou o plano de recuperação financeira do clube, proposto pela consultoria Ernst & Young e encomendada pelos irmãos João e Waltinho Moreira Salles, o próximo passo já acordado é o seguinte: uma turma de botafoguenses ilustres vai escolher o executivo que vai tocar a nova empresa e o fundo que serão criados.

O grupo inclui os irmãos João e Waltinho, os advogados Francisco Müssnich, Marcelo Trindade e os executivos de mercado financeiro Marcello Stallone e Luiz Orenstein.

Este nome será conhecido em breve. A empresa já tem que estar constituída para operar a partir do fim do ano. A dívida do Botafogo é de R$ 750 milhões e o objetivo é levantar ao menos a metade desse valor para constituir o fundo.

Fonte: Blog do Lauro Jardim - O Globo Online