O ex-atacante e ídolo do Botafogo, Mauricio, autor do gol na final do Campeonato Estadual de 1989, contra o Flamengo, foi entrevistado pelo torcedores.com, na última terça-feira, em evento realizado no salão nobre de General Severiano. O ex-atleta revelou que, quer ter a oportunidade de conversar com Sassá, que andou se envolvendo algumas polêmicas nessa semana. Segundo Mauricio, a intenção é de evitar que o artilheiro do Botafogo “se queime” no mercado. Para Mauricio, não é hora de ficar criticando o atacante alvinegro e sim ajudar o atleta.

“Quero ter a oportunidade de conversar com o Sassá. Acho que o Sassá precisa de uma conversa, para que nós possamos ajuda-lo, por que nesse momento, não é só criticar, nós temos que ajudar, orientar, para que ele tenha um caminho, um futuro bacana, pois é um grande artilheiro do Botafogo e precisa ser respeitado. Acho que está faltando uma orientação, para que ele tenha uma outra postura e não “se queime” ai no mercado, falando essas coisas que ele falou, batendo essas fotos, acho que não tem necessidade. Eu acho que nós Botafoguenses, temos que ajudar, orientar, para que ele tenha outro tipo de conduta dentro do campo, pois ele é um grande jogador.” – disse o ex-atacante.

Mauricio lembrou ainda que, não tem exercido muito esse papel de “conselheiro” no clube, como em outras ocasiões. O ex-atleta revelou que, sempre que é chamado pela diretoria, vai ao clube ajudar de alguma maneira. Mauricio disse ainda que, já foi ao clube ajudar alguns jogadores com conselhos, em situações adversas vividas pelo atletas, e citou como exemplo, o atacante Bill, que atuou pelo Botafogo em 2015.

“É uma pena que no Botafogo, minha participação hoje é mínima, mas na antiga diretoria, eu tinha uma participação maior. Eu vinha ao clube, falar com aquele jogador que precisava de uma fala, de um amigo, de um conselho. Eu vim no Bill (ex atacante do Botafogo), o Bill fez três gols no dia seguinte (jogo contra o Madureira), além de outros jogadores também.” disse Mauricio

Na ocasião, o Botafogo havia empatado com o Barra Mansa, pelo carioca, e Bill havia perdido um pênalti. O atacante foi muito criticado pela torcida. No jogo seguinte, Bill deu a volta por cima e marcou 3 gols, contra o Madureira, pelo Campeonato Estadual.

Fonte: Torcedores.com