Jefferson conquista último título do velho Maracanã e 1º do novo

Compartilhe:

 No dia 18 de abril de 2010, o Botafogo venceu o Flamengo por 2 a 1 e conquistou o título carioca. No dia 30 de junho de 2013, o Brasil derrotou por 3 a 0 a Espanha e terminou campeão da Copa das Confederações. Foram as duas últimas finais disputadas no Maracanã. Nos dois jogos, uma coincidência. O único jogador a participar das duas vitórias foi o goleiro Jefferson.

De volta ao Botafogo no treinamento de segunda-feira depois de um mês a serviço da seleção brasileira, Jefferson falou com orgulho do título, mesmo sem participar de um jogo sequer na campanha da Copa das Confederações. No título do Botafogo em 2010, no entanto, ele saiu como herói ao defender um pênalti cobrado por Adriano.

No intervalo entre as duas finais, uma reforma gigantesca foi feita no estádio. Jefferson espera ter a chance de jogar no Maracanã com o Botafogo. Há uma negociação em curso e a expectativa é de que até 12 jogos possam ser disputados no local.

– Seria ótimo realmente para o Botafogo poder jogar no Maracanã. Há muita coisa acontecendo e não cabe aos jogadores. Todos esses novos estádios são muito modernos, com gramados excelentes que propiciam um grande espetáculo – disse Jefferson.

Nem mesmo celebrou a conquista da Copa das Confederações, o goleiro já reinicia a campanha com o Botafogo na Copa do Brasil, quarta-feira, contra o Figueirense, em Volta Redonda. Domingo, o adversário é o Fluminense, na Arena Pernambuco, um dos estádios utilizados na Copa das Confederações.

– Estou confiante, muito motivado. O objetivo no segundo semestre é conquistar um título ou a vaga na Taça Libertadores do ano que vem. Precisamos de algo especial para o clube – comentou Jefferson.

Fonte: Globoesporte.com

Comentários