O Botafogo manteve a força que exibiu na fase preliminar da Taça Libertadores e estreou na fase de grupos com mais uma vitória em casa, no estádio Nilton Santos, sobre o Estudiantes, por 2 a 1, nesta terça-feira. Na análise do comentarista Juninho Pernambucano, o Alvinegro está dando um exemplo de eficiência no futebol carioca ao largar com o pé direito em sua arena.

– Acho que o Botafogo está mostrando um exemplo para o futebol carioca. Nos quatro primeiros jogos, o Botafogo entrou pressionado, e respondeu muito bem. Hoje pegou um jogo diferente, não tinha necessidade da vitória, pegou um time que se defendeu no primeiro tempo, marcou zagueiros, os dois volantes, e venceu. Libertadores é isso, nem sempre precisa jogar bem para ganhar.

O Botafogo já havia superado o Colo Colo e o Olimpia no Engenhão para garantir a vaga na fase de grupos. Na visão de Juninho, a força dentro de casa pode ser a receita para o Alvinegro avançar na competição, já que três vitórias no Nilton Santos dão tranquilidade à equipe na busca pela classificação.

– Todo mundo faz esse cálculo, de ganhar os três jogos em casa. Ás vezes, nove pontos são suficientes, mas dez geralmente garante, com um empate fora. Geralmente quem faz o dever de casa ajuda muito na sequência.

O Botafogo encara o Atlético Nacional, em Medellín, atual campeão da Libertadores, no dia 13 de maio, pela segunda rodada do Grupo 1. O próximo compromisso do Glorioso será contra o Vasco, pela Taça Rio, no Engenhão, no próximo domingo, às 18h30 (de Brasília).

Fonte: SporTV.com