Além do ponto conquistado, uma das coisas positivas que o Botafogo pôde tirar do empate em 0 a 0 com o Vasco, no Nilton Santos, foi a participação de Marcinho no decorrer do clássico. Com desenvoltura, o lateral revelado pelo Alvinegro não comprometeu e ainda se arriscou na frente, levando perigo ao gol de Martin Silva em chute com a perna esquerda, que não é seu ponto forte.

Até por isso e pela escassez na posição dentro do elenco – Jonas e Marcelo se machucaram recentemente – o jovem de 20 anos foi elogiado pelo técnico Jair Ventura depois do jogo. Agora, a expectativa é de que Marcinho siga como o titular na lateral-direita no clássico de quinta-feira, contra o Fluminense.

– É um garoto. Ele já havia jogado o clássico contra o Flamengo, e fez hoje seu segundo clássico. Temos toda confiança nele. Conversei bastante com o Márcio antes do jogo. Dei bastante confiança, disse no que ele poderia melhorar. Só tem a crescer. Tem muita força, chuta muito forte. Quase marcou um golaço. Vamos lá. Temos confiança em todos os atletas, e com ele não é diferente – disse o técnico Jair Ventura na entrevista coletiva depois do jogo, no Nilton.

Fonte: Terra