Mattos elogia semana de trabalho do Botafogo depois de folga

Compartilhe:

Depois da folga de nove dias por causa da Copa das Confederações, o Botafogo completou nesta sexta-feira sua primeira série de treinamentos antes da volta aos gramados no dia 3 de julho, contra o Figueirense, pela Copa do Brasil, sem local definido. A comissão técnica enfrentou problemas para elaborar a programação, que antes previa uma concentração em Pinheiral até a manhã de sábado, e os jogadores acabaram participando de sete sessões de treinamentos.

Mesmo com obstáculos, o trabalho foi produtivo, segundo Marcelo Mattos. O time não teve um local adequado para o treinamento, já que seis sessões foram realizadas no campo esburacado de General Severiano, e uma delas precisou ser cancelada para evitar transtornos com os protestos desta sexta-feira na Barra da Tijuca, onde mora a maioria do elenco.

O time ainda chegou a fazer um treinamento no Engenhão na tarde de quinta-feira, às escondidas, temendo uma ação do Comitê Organizador da Copa das Confederações, já que o estádio estava cedido à Fifa. Agora, os jogadores terão dois dias de folga e voltam a trabalhar na tarde de segunda-feira.

– Tivemos uma semana boa de trabalho, com todos os jogadores se dedicando. Às vezes, com esse tempo sem jogos, você acaba perdendo o foco, mas aqui ninguém perdeu. Dia 3 temos jogo e vamos continuar com on que fizemos até agora na temporada para não baixar a guarda – disse Marcelo Mattos.

Nesse período, foram sessões de treinamentos físicos mescladas com trabalhos de ataque contra defesa e até um momento de descontração, comandado pelo técnico Oswaldo de Oliveira. Marcelo Mattos viu nas atividade um clima até de jogo quando a bola entrava em jogo.

– Tem que ser mais ou menos assim. É o melhor que pode acontecer no treinamento. Fico feliz em ver o treino do Botafogo pegado, pois no jogo é ainda mais pegado e os jogadores estarão acostumandos – afirmou Marcelo Mattos.

Fonte: Globoesporte.com

Comentários