O Botafogo continua procurando reforços para a próxima temporada do futebol brasileiro. O presidente do clube, Carlos Eduardo Pereira, já tem em mente o que deve ser prioridade para o Fogão na hora de contratar jogadores: buscar novas opções para o ataque.

Em entrevista ao programa Seleção SporTV, do canal SporTV, o dirigente botafoguense justificou as baixas do setor, com a saída de Neílton para o Cruzeiro e a lesão de Canales e a queda do rendimento ofensivo do time no final do Brasileirão como fatores para priorizar o ataque no mercado da bola.

“O nosso ataque teve muitas dificuldades na reta final do campeonato. Até porque o Canales, que foi contratado com certa expectativa, teve de passar por uma cirurgia e precisou ser liberado. Passamos a contar com o Roger, o Rodrigo Pimpão e alguns garotos da base. Então, sem dúvida alguma, a busca do Botafogo será dar prioridade ao ataque”, afirmou Pereira em Assunção (PAR), onde assistirá ao sorteio da Libertadores.

Roger, vindo da Ponte Preta, é o único reforço para o ataque confirmado no Botafogo em 2017. Outros nomes tem sido estudados, como os de Marinho, do Vitória, além do meia Montillo, que está se despedindo do futebol chinês.

Fonte: Torcedores.com