Membro do Comitê de Futebol do Botafogo, Ricardo Rotenberg justificou o novo empréstimo do atacante Ezequiel, desta vez para o Sanfrecce Hiroshima, do Japão. Ao comentar uma mensagem no Twitter, o dirigente respondeu:

“Ezequiel no Cruzeiro recebia um complemento de mais R$ 120 mil. Voltando para o Botafogo, ele volta aos R$ 30 mil dele (de salário). Emprestamos e ainda ganhamos”, escreveu Rotenberg, que também respondeu às críticas de um outro internauta (veja abaixo).

Loja do FogãoNET por Estilo Piti | O Site oficial do torcedor do Botafogo

A notícia foi divulgada primeiramente pelo repórter Venê Casagrande, do jornal O Dia. O repórter Thiago Veras, da Rádio Tupi, acrescentou que o Sanfrecce Hiroshima pretende adquirir um percentual dos direitos econômicos de Ezequiel.

Após atuar em 28 jogos como profissional do Botafogo entre 2017 e 2018, Ezequiel foi cedido nesta temporada ao Sport (onde fez quatro gols em 30 jogos) e, posteriormente, ao Cruzeiro, onde acabou rebaixado para a Série B – atuou 14 vezes, sendo duas como titular, e não marcou gols.

Loja do FogãoNET por Estilo Piti | O Site oficial do torcedor do Botafogo | Cupom de 10% de desconto

Fonte: Redação FogãoNET