A torcida do Botafogo preparou uma bonita festa para a entrada do time na partida contra o Unión Española-CHI, nesta quarta, pela Libertadores. O problema é que os torcedores sofreram para chegar ao Maracanã, às 19h45, horário marcado pela Conmebol. Além disso, o trânsito nos arredores estava muito intenso, o que gerou muitos atrasos.

E os atrasos deixaram os organizadores do mosaico desesperados. Eles distribuíram luzes de led para os botafoguenses, que estava aglomerados em um setor. As organizadas gritavam a todo tempo frases para orientar e garantir o sucesso do mosaico. “Sai da escada” e “Espalha” foram ouvidos muitas vezes.

A preocupação se justificou. E o sucesso do mosaico só aconteceu por conta disso. Na hora em que os jogadores entraram em campo, a frase “Somos um só”, com o escudo do Botafogo no meio conseguiu alcançar o objetivo e emocionou os torcedores no Maracanã: “Fogo, eu te amo” foi cantada em volume altíssimo.

Não é a primeira vez que o Botafogo faz um mosaico na temporada. Na estreia do clube na Libertadores, a torcida utilizou a frase que a Conmebol disse para exaltar o retorno do Alvinegro à competição continental: “O gigante voltou”. A imagem contou ainda com uma bandeira de Nilton Santos, que faleceu em 2013.

Fonte: UOL