Quando o árbitro Raphael Claus apitou o término do clássico entre Botafogo e Vasco, no último sábado, também colocou fim a um longo jejum que perseguia a equipe de General Severiano. A vitória por 2 a 1 dentro de São Januário fez o Alvinegro voltar a vencer no estádio do rival pela primeira vez em 16 anos. O último triunfo havia sido em 8 de junho de 2002, pelo Campeonato Carioca.

Na ocasião, o Botafogo superou o Vasco pelo placar de 1 a 0, dentro de São Januário, em partida válida pela segunda fase do Campeonato Carioca 2002. Com a vitória, o Botafogo conseguiu encerrar uma sequência de sete jogos sem vencer o rival cruz-maltino pelo Estadual.

De lá para cá, Vasco e Botafogo se enfrentaram outras quatro vezes em São Januário, com duas vitórias cruz-maltinas e um empate. Até última vitória cruz-maltina foi em 2016, em partida válida pelo terceira rodada da Taça Guanabara, onde deixou o campo com placar de 1 a 0, gol marcado por Thalles.

Nos confrontos em São Januário, já foram realizados 46 duelos entre as duas equipes. A vantagem é cruz-maltina, que tem 18 vitórias contra 13 triunfos do Glorioso, além de outros 15 empates que somam no histórico. O Vasco marcou 67 gols, enquanto o Botafogo tem 55.

Com a vitória, o Botafogo está em 11º lugar no Campeonato Brasileiro, com 12 pontos. O próximo compromisso do Alvinegro será contra o Ceará, na próxima quarta-feira, no Nilton Santos. Caso conquiste nova vitória, a equipe de General Severiano pode entrar no G-6 da competição.

Fonte: Terra