O Botafogo trabalha visando a estreia na fase de grupos da Libertadores e recebeu uma boa notícia. A partida contra o Volta Redonda, pela primeira rodada da Taça Rio, foi antecipada.

Com isso, o técnico Jair Ventura terá a chance de escalar a equipe titular como preparação para o duelo contra o Estudiantes-ARG. O volante Matheus Fernandes minimizou a escolha da formação da equipe para esta partida.

“Este jogo é tão importante quanto os outros jogos. A gente não quer perder nunca. Se entrar com titulares, vai dar moral para a Libertadores, mas, se for com reservas, o pessoal vai dar a vida para mostrar serviço”, disse.

Matheus Fernandes foi formado nas categorias de base do clube e vem ganhando espaço dentro do elenco. O jogador ressaltou que espera sempre poder entrar em campo com a camisa alvinegra.

“A gente espera sempre ter oportunidades. Elas estão vindo. Tenho que agarrar e ir para o jogo. Não sei se vamos com reserva ou titular, mas quem entrar vai dar o máximo”, declarou.

O volante falou, ainda, da sensação de poder atuar entre os titulares contra o Olímpia-PAR, em Assunção. Matheus lembrou que só teve certeza de que jogaria na Libertadores quando viu a relação final.

“Desconfiei no treinamento, né? Sempre fico me iludindo, me botou no time eu estou dentro (risos). Saí do treino me perguntando: ‘Será que vou ou não?’. Chegou no treino decisivo, estava no time, pensei: ‘Acho que estou dentro’. Mas esperei a relação, aí começou o frio na barriga, tremedeira, mas correu tudo bem”, comentou.

O Botafogo volta a campo na próxima quinta-feira, contra o Volta Redonda, no estádio Nilton Santos, pela Taça Rio. A equipe não fez boa campanha na Taça Guanabara e precisa se recuperar para estar nas semifinais do Campeonato Carioca.

Fonte: ESPN.com.br