O Botafogo enfrenta o Juiz de Fora neste sábado, às 18h, na casa do adversário, pela 5ª rodada da Superliga B. A equipe do técnico Walner Santos é a vice-líder da competição e está invicta.

Embalado na competição, o Glorioso deu uma prova considerável de sua força no último sábado ao vencer o Anápolis, um dos favoritos ao título, por 3 sets a 2 de virada e subir na tabela. Por outro lado, o adversário vem de três derrotas e ocupa a 6ª posição. No entando, quando as equipes estiveram frente a frente, em dezembro, pela Copa Trade, o jogo foi muito disputado, acabando com vitória por 3 sets a 1 do Alvinegro. Capitão da equipe, o levantador Vitor Gelli destacou o momento do time na temporada e pediu atenção redrobada para o duelo.

EVOLUÇÃO

– Seguimos rescendo. A úlltima vitória foi muito importante para mostrar a força do nosso grupo como um todo, com a participação de muitos atletas vindo do banco. Nosso elenco está entre os melhores da Superliga B, consegue extrair bem essa mescla entre a juventude e a experiência e vai continuar na mesma pegada para conquistar o acesso e o título.

ADVERSÁRIO

– Jogamos duas vezes contra o Juiz de Fora, no Carioca e na Copa Trade, e vencemos as duas. A equipe deles mudou um pouco, mas continua com a mesma base e acredito que o entrosamento tenha aumentado. Sabemos que é um time difícil de ser batido, tem um bom volume de jogo e uma torcida que comparece. Eles virão para um jogo mais arriscado e nós precisaremos de atenção.

CENÁRIOS

– Enfrentamos diversos em apenas quatro jogos. Já saímos perdendo em casa, já deixamos o adversário forçar um tie-break fora, e também já dominamos uma partida de ponta a ponta. Diante de todas as circunstâncias, o que fez o nosso time sair vitorioso em todas foi manter o nosso jogo e botar o nosso dia a dia em prática. Seguindo nosso plano de jogo com a cabeça no lugar, faremos mais uma grande partida e voltaremos com os três pontos.

Fonte: Site oficial do Botafogo