Auxiliar de Luís Castro, Vítor Severino diz que ‘céu é o limite’ para o Botafogo e exalta clube: ‘Patrimônio histórico e cultural’

25 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Auxiliar de Luís Castro, Vítor Severino diz que ‘céu é o limite’ para o Botafogo e exalta clube: ‘Patrimônio histórico e cultural’
Vitor Silva/Botafogo

Auxiliar do técnico Luís Castro, Vítor Severino caiu nas graças da torcida do Botafogo com sua interação nas redes sociais com a galera alvinegra, desde antes mesmo de ser anunciado pelo clube. O português contou ao “Lance!” que ficou surpreendido ao pesquisar a história do Glorioso antes de se apresentar.

Fizemos desde o início uma pesquisa e confesso, sem hipocrisia, de que superou o que eu já achava. Achava que era um clube grande, e não que era um clube gigante. Fiquei percebendo isso, esse patrimônio histórico e cultural que o Botafogo tem é realmente gigantesco e vejo isso a cada vez que interajo com o torcedor. Estou extremamente feliz e a cada dia que a passa as coisas estão se confirmando cada vez mais – afirmou Severino.

Questionado por um internauta sobre qual é o limite do Botafogo sob o comando da nova comissão técnica, Vítor Severino diz que a torcida pode sonhar com qualquer coisa.

O céu é o limite para nós. Não vamos limitar, não vamos colocar em nenhuma caixa. Queremos desenvolver uma identidade, uma filosofia, uma estrutura que nos permita vencer mais do que perder e isso vai demorar o seu tempo. Não vamos colocar limites, que sejam os outros que coloquem e aí vamos tentar derrubá-los – disse o auxiliar-técnico.

Fonte: Redação FogãoNET e Twitter Lance! Botafogo

Notícias relacionadas