Botafogo busca resolver dívida de R$ 50 milhões no Estádio Nilton Santos, prazo de concessão e naming rights

31 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Estádio Nilton Santos - Botafogo x Náutico
Reprodução/Premiere

Casa do Botafogo, o Nilton Santos é uma oportunidade de receitas, mas tem grandes desafios a serem resolvidos. Entre eles estão a dívida de quase R$ 50 milhões da Companhia Botafogo, que administra o estádio e o prazo de concessão. O clube é dono do espaço até 2031 e tenta prorrogar o prazo junto à Prefeitura.

– Como tudo no Botafogo, o Nilton Santos tem uma dívida e um problema jurídico. A concessão do estádio está no nome da Companhia Botafogo, essa empresa tem uma dívida de 49 milhões de reais e a concessão termina em 10 anos. Desde que a gente chegou aqui trabalhamos para rentabilizar custos. O Nilton Santos é um estádio poliesportivo, mas está em uma localização com poucas alternativas, fui criado ali no Encantado, bairro próximo, sei a carência que a região tem. Para fazer um investimento grande é preciso de mais tempo. Com naming rights, nenhum investidor coloca nome em uma propriedade se não puder usá-la por 20 anos – explicou o CEO Jorge Braga, ao “Lance!”.

Mochilas, bolsas e carteiras da coleção FogãoNET da Estilo Piti

A ideia do Botafogo é usar o estádio além do futebol, de forma que gere mais receitas e atraia investidores.

– Temos a dívida muito grande e a concessão, trabalhamos para resolver as duas coisas. Estamos discutindo com a Prefeitura alternativas de mudar o escopo do estádio para que não seja focado só em futebol, mas que possa receber shows, ter restaurantes, escolas, mudar a destinação original dele e atrair investimento. Temos parceiros interessados, mas preciso de mais tempo de concessão e equacionar a dívida para viabilizar isso. Não adianta o cara investir e largar de menos R$ 50 milhões, preciso garantir que ele não vai ficar com as dívidas do estádio. A gente tem trabalhado nisso desde que eu cheguei, está bem encaminhado, não vou prometer nada porque não gosto disso, mas entendemos que o Nilton Santos tem muita oportunidade para a região, futebol e Botafogo – disse Jorge Braga.

Fonte: Redação FogãoNET e Lance!

Notícias relacionadas