Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Série B

05/06/21 às 21:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Coritiba
CTB

Série B

28/05/21 às 21:30 - OBA

Escudo Vila Nova
VLN

X

Escudo Botafogo
BOT

Taça Rio

22/05/21 às 15:05 - São Januário

Escudo Vasco
VAS

0

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Kanu cresce, vira líder e capitão no Botafogo: ‘Quero fazer clube voltar a sorrir’

5 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Kanu - Botafogo
Vitor Silva/Botafogo

Zagueiro formado no Botafogo, com um empréstimo à Cabofriense, Kanu é uma das poucas unanimidades do atual elenco. Líder e capitão, o zagueiro de 24 anos assume a responsabilidade às vésperas da Série B.

– Batalhei muito para poder jogar aqui no Botafogo. Tenho quatro anos de profissional. Dois eu fiquei trabalhando, trabalhando quietinho. Fui para a Cabofriense, voltei. E hoje eu assumo esse papel, uma liderança, sim, mas com o foco principal de ajudar – afirmou Kanu, ao site “GE”.

– De ajudar os garotos da base, os que chegam a esse clube, a entender o quão grande é e o quão prazeroso é jogar para esse clube. Então, eu tenho esse papel, que eu tento transmitir aqui pra todos – explicou.

Apesar de o elenco ter jogadores experientes, Kanu trata com naturalidade ter sido escolhido o capitão da equipe.

– Foi um processo natural. Na minha vida eu sempre fui de me posicionar. E quando eu vi, a braçadeira estava no meu braço e eu me sinto muito honrado porque grandes jogadores usaram essa braçadeira. Hoje eu posso mostrar para a minha filha, para toda a minha família que eu sou capitão do Botafogo. Eu fico muito feliz e tento ajudar, acho que a braçadeira em si é muito importante, mas o meu principal objetivo aqui, com a braçadeira ou sem, é ajudar a ver o Botafogo em seu devido lugar, conquistando grandes coisas, com a torcida feliz – destacou Kanu.

– O meu principal objetivo aqui é ajudar esses companheiros que sobem, ajudar quem chega, ver esse clube feliz e radiante como ele sempre foi. De uns anos pra cá, passou por algumas turbulências, mas eu tenho como principal objetivo fazer esse clube voltar a sorrir, porque esse clube me fez sorrir, me fez ajudar minha família, então eu tenho total gratidão e consciência do que eu devo fazer pra ajudar esse clube a estar no seu devido patamar – completou.

Fonte: Redação FogãoNET e GE

Notícias relacionadas
Comentários