Liderança, desempenho fora de casa e mais: por que Botafogo precisa da vitória contra Cruzeiro

14 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Liderança, desempenho fora de casa e mais: por que  Botafogo precisa da vitória contra Cruzeiro
Vitor Silva/Botafogo

Nesta terça-feira, o Botafogo tem um importante desafio em busca do sonhado acesso para a elite do futebol brasileiro. Isso porque o Alvinegro enfrenta o Cruzeiro no Independência, às 21h30, em partida válida pela 30ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O LANCE! acompanha o jogo em tempo real e, a seguir, mostra por que o time carioca precisa desta vitória.

Caso derrote o Cruzeiro nesta terça-feira, o Botafogo assume a liderança provisória da Série B. Com a conquista dos três pontos, o Alvinegro empataria com o Coritiba em número de pontos, mas assumiria a primeira colocação nos critérios de desempate.

Vale lembrar que os critérios de desempate na ordem são: mais vitórias conquistadas; maior saldo de gols; mais gols pró; confronto direto; menos cartões vermelhos; menos cartões amarelos; e sorteio.

Assim, se derrotar o Cruzeiro, o time carioca passa o Coritiba em número de vitórias (16 contra 15). Fora isso, hoje, o Botafogo ainda leva a melhor sobre o Coxa em saldo de gols (15 contra 13), em gols pró (42 a 35) e em cartões amarelos (55 contra 79). O único critério em que a equipe paranaense vence, atualmente, é no número de cartões vermelhos (dois contra um).

Portanto, para terminar a rodada na liderança, o Botafogo, além de vencer o Cruzeiro, precisa torcer, obrigatoriamente, para uma derrota do Coritiba diante do Vasco – o confronto acontece na próxima sexta-feira. Um empate nesse jogo já levaria o Alvinegro para a segunda colocação novamente.

Além disso, uma vitória nesta noite é importante para melhorar o desempenho do Botafogo fora de casa na competição. Apesar de ser o vice-líder da Série B e o melhor mandante, o Alvinegro é o sétimo pior visitante.

No total, foram três vitórias, cinco empates e seis derrotas. As vitórias como visitante, inclusive, vieram só após a chegada do técnico Enderson Moreira. Até então, sob o comando de Chamusca, o Alvinegro apenas empatava ou perdia fora do Rio de Janeiro.

Também vale destacar que – contabilizando Série A do Brasileirão, Série B do Brasileirão e Copa do Brasil – o Botafogo não vence o Cruzeiro desde setembro de 2016. Naquela oportunidade, o Glorioso derrotou a Raposa por 2 a 0, em partida válida pela 24ª rodada da primeira divisão.

Depois deste compromisso, segundo dados do site “ogol”, as equipes se enfrentaram oito vezes: três vitórias do Cruzeiro e cinco empates. Desse modo, o Botafogo terá, nesta noite, mais uma oportunidade para acabar com o retrospecto ruim contra o time mineiro.

Fonte: Terra

Notícias relacionadas