Vítor Severino lamenta lesão de Gatito e torce por renovação com Botafogo: ‘Ele quer muito ficar e todo mundo quer que ele fique’

28 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Vítor Severino, auxiliar técnico do Botafogo
YouTube/Charla Podcast

Goleiro do Botafogo desde 2017, Gatito Fernández fez boa temporada em 2022, mas se lesionou na reta final e precisou operar o ombro. O paraguaio vai ficar sem atuar por um período entre três e seis meses. Em reta final de contrato, ele discute renovação com o clube.

Em entrevista ao canal “Charla Podcast”, o auxiliar técnico Vítor Severino falou sobre o momento do goleiro e sobre a possível renovação.

– Conversamos, porque é um indivíduo de trato muito fácil. O preparador de goleiros é muito próximo do seu grupo, é uma mini-família. Eles têm relação fantástica. Foi um ano difícil para o Gatito, no início da época tinha dificuldades até de seguir nos treinos. Aos poucos foi recuperando, nos últimos quatro, cinco meses parecia um jovem de 20 anos, fazia toda a semana e os jogos 90 minutos. Depois aparece essa questão no ombro. Óbvio que ficou triste e desanimado, está em momento de ver como vai ser a renovação de contrato dele, é uma questão entre ele e o clube. É frustrante, mas o grupo acarinhou e juntou, porque ele é uma figura muito querida – disse Vítor Severino, que torce pela permanência.

– Sim, sim. Mas há questões que são políticas e burocráticas, tem a ver com ele e com o Botafogo. Acho que ele quer muito ficar e todo mundo quer que ele fique – completou.

Fonte: Redação FogãoNET e Charla Podcast

Notícias relacionadas