Esqueçam piadinhas com o preço de R$ 2,50 (valor da meia-entrada do setor com pior visão). Ignorem os que querem aparecer às custas do Botafogo e ficam criticando. Não deem bola se a promoção tem provocado prejuízo nos borderôs. Qualquer iniciativa que parta da diretoria para trazer a torcida do Fogão para o Estádio Nilton Santos tem que ser aplaudida. O momento pede isso.

Sair de casa e pegar trem para ver Rodrigo Lindoso, Marcinho, Gilson e companhia limitada não é mole. Tem que ser muito apaixonado. Aqueles 7 mil de sempre, então, não podemos fazer outra coisa a não ser agradecê-los. Hoje são pouquíssimos os jogadores que fazem valer a pena sair de casa e ir ao Niltão para vê-los. Mas, agora, o mais importante se chama Botafogo de Futebol e Regatas.

>> Check-in aberto e venda para sócios iniciada para Botafogo x Flamengo

Estamos num buraco que parece não ter fundo. A crise financeira é gravíssima, e não há perspectivas. São antecipações atrás de antecipações. É grana que não vem e que não virá. Assim sendo, o Botafogo não aguentaria um terceiro rebaixamento. Seria demais. Por isso, é fundamental o chamamento da torcida, que deu provas mais uma vez de como é crucial para a sobrevivência do Glorioso.

O Botafogo não tem time para fazer uma campanha sequer decente no Campeonato Brasileiro e, se não for a força que vem das arquibancadas, não conseguirá muita coisa. Apesar do Estádio Nilton Santos ter ficado vazio na maioria dos jogos, o retrospecto lá é até certo ponto bastante satisfatório. Mas, com essa atmosfera que vimos no jogo contra o Corinthians, o Botafogo torna-se ainda mais forte.

Quer uma prova? Dos nove maiores públicos pagantes do estádio, o Botafogo venceu TODAS. Isso mesmo! Foram contra Fluminense (na inauguração, em 2007), Portuguesa (2008), River Plate (2007), Palmeiras (2009), Ceará (2011), Nacional-URU (2017), Vasco (2012), Colo Colo (2017) e Nacional-PAR (2018). Públicos sempre superiores a 33 mil pessoas. Quer incentivo maior que esse?

Portanto, irmãos de camisa, é hora de ir para dentro da molambada. Não é hora de ficar em casa, vendo pela televisão. Vamos com tudo! Temos que mostrar nossa força na nossa casa, mais uma vez, e conquistar uma vitória que praticamente irá nos livrar do risco de cair para a Série B. E que a diretoria se prepare e não faça os nossos torcedores ficarem mofando nas filas mais uma vez.

Viva o Botafogo! Viva o Niltão!

Saudações alvinegras!