Bastidores do jantar de gala com sócios do Botafogo no Niltão: cardápio, Luis Henrique, planos de John Textor e busca por reforços

48 comentários

Carlos Eduardo Sangenetto

Carlos Eduardo Sangenetto

Compartilhe

John Textor em jantar de gala no Estádio Nilton Santos com sócios-torcedores do Botafogo
Divulgação/Botafogo

Sete sócios do Botafogo foram convidados pelo clube para um jantar de gala à beira do campo do Estádio Nilton Santos nesta sexta-feira (22/7). Os associados resgataram a experiência especial no site do “Camisa 7” e não tinham ideia do que viria pela frente. Não tinham mesmo. Os encontros com John Textor e o recém-contratado Luis Henrique foram uma verdadeira surpresa. E o FogãoNET conta um pouco como foram os bastidores dessa noite.

Tudo foi combinado após a criação de um grupo de WhatsApp. As únicas orientações dadas aos privilegiados foram que eles precisavam estar no local às 19h30 e que o traje indicado era o esporte fino. Apesar da curiosidade dos envolvidos, nada mais foi compartilhado. “Isso é tudo que vocês precisam saber”.

Reservados em uma salinha próxima aos elevadores do estádio, os sete sócios foram chamados individualmente ao campo e, logo de cara, já se depararam com a figura de John Textor, acionista majoritário do futebol do Botafogo. Thairo Arruda, diretor da SAF, e Paula Young, chefe de ativação de relações internacionais do departamento comercial, também estavam presentes. A mesa foi posta na pista de atletismo.

Luis Henrique empolgado com retorno

Apresentado à tarde no Nilton Santos, Luis Henrique apareceu e interagiu rapidamente com todos. O atacante não jantou, mas aberto e comunicativo, conversou sobre sua recente passagem pelo Olympique de Marseille, na França, e mostrou-se muito animado com a oportunidade de voltar a vestir a camisa do Glorioso.

ANIMADO, LUIS HENRIQUE INTERAGIU COM OS SÓCIOS NO JANTAR NO NILTON SANTOS (FOTO: DIVULGAÇÃO/CAMISA 7)

Cardápio tem sobremesa que fisga Textor

John Textor ficou com os botafoguenses praticamente durante o jantar inteiro. Falando em jantar, o menu da “Noite Gloriosa” foi caprichado. Partiu de um coquetel de camarão ou um mix de canapés, passando por duas opções de saladas: caprese de mozarela de búfala com tomates, manjericão e pignoli ou um mix de verdes e brotos, com nozes carameladas, roquefort e morangos na cesta de parmesão. Isso porque nem chegamos ao prato principal. Tinham três alternativas: “roastbeef de mignon ao bearnaise“, salmão com crosta de panko ao molho de mostrada Dijon” e “rondelli de ricota com molho shitake“. Já em relação à sobremesa, uma curiosidade. Textor precisava sair precisamente às 22h, mas quando estava pronto para deixar o Niltão, as sobremesas chegaram. E o americano não resistiu à Torta Nougatine, tradicional doce francês que leva chocolate cremoso e meio amargo. O mix de folhas de baunilha com frutas vermelhas ficou de lado.

Pessoal, eu tinha que ir embora, mas com essa sobremesa… Vou ter que ficar mais um pouquinho“, disse John, bem-humorado, aos convidados.

CABEÇALHO DO CARDÁPIO DO JANTAR DA “NOITE GLORIOSA” (FOTO: FOGÃONET)

CT e prioridade de reforços para o Glorioso

Mas não foi apenas sobre suas preferências culinárias que John Textor conversou. Os sócios puderam ter um pouco de acesso aos planos do empresário para o Botafogo. Ele reforçou que considera muito importante a integração entre as categorias de base e o time principal, fazendo uma clara referência aos centros de treinamento. E se isso for possível futuramente, será “um sonho se tornando realidade”.

A respeito de reforços, sem muitos detalhes, foi externado que a ideia na atual segunda janela de transferências de 2022 é “resolver os problemas do atual elenco”. E isso passa pela contratação prioritária de um primeiro volante com grande poder de marcação para proteger a defesa e um centroavante para ajudar no desenvolvimento dos jovens Erison (23) e Matheus Nascimento (18).

Presentes dados pelo Fogão

Depois do jantar, os botafoguenses também foram brindados com um kit de presentes: uma camisa oficial de jogo customizada com a marca da Blaze Bet, outra camisa do programa Camisa 7, um relógio da Champion Watch, e para finalizar, um copo de cerveja assinado pela Brahma. Uma noite realmente gloriosa, do início ao fim.

Instagram do FogãoNET (@fogaonet)

📺 Veja a entrevista de Textor no novo vestiário comentada pelo FogãoNET:

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas