Gatito é clicado chorando após Paraguai ficar fora da Copa de 2018

Compartilhe:

Carlos Eduardo Sangenetto
11/10/2017
Rio de Janeiro (RJ)

A derrota surpreendente do Paraguai para Venezuela por 1 a 0, no Defensores del Chaco, em Assunção, tirou a chance dos paraguaios de disputarem a Copa do Mundo de 2018 na Rússia. Os donos da casa precisavam apenas da vitória sobre os lanternas, mas decepcionaram o país e provocaram o choro de Gatito Fernandéz, goleiro do Botafogo, no banco de reservas.

Capa do jornal La Nación, sobre o Paraguai, de Gatito Fernández, fora da Copa do Mundo de 2018, na RússiaJornal lembra que o Paraguai estará fora da Copa do Mundo pela segunda edição consecutiva (Foto: Reprodução)

Suplente de Antony Silva, arqueiro do Cerro Porteño, Gatito foi clicado desolado pelo fotógrafo Fernando Riveros e parou na contracapa do jornal La Nación, um dos maiores jornais do Paraguai.

Pela seleção paraguaia, o camisa 25 e titular absoluto do Fogão não teve a oportunidade de começar jogando em nenhum jogo das Eliminatórias da América do Sul. A única vez que defendeu o gol do país em 2017 foi em um amistoso contra o Peru, em Trujillo, em junho, quando saiu derrotado após sofrer um gol de falta de Guerrero.

Após a frustração nacional, Gatito Fernández embarcou logo pela manhã desta quinta-feira rumo ao Rio de Janeiro, onde é esperado pelo técnico Jair Ventura para enfrentar a Chapecoense, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Gatito, sua briga agora é pela Libertadores. Estamos contigo.

Saudações alvinegras!

Gatito Fernández chora após seleção do Paraguai ficar fora da Copa do Mundo de 2018, na RússiaGatito é amparado por companheiros após eliminação do Paraguai (Foto: Reprodução/La Nación)
Comentários