Carlos Eduardo Sangenetto
13/09/2017
Rio de Janeiro (RJ)

O colunista gaúcho Pedro Ernesto Denardin, do jornal Zero Hora, aquele mesmo que afirmou que o time do Fogão era formado por “jogadores comuns” e que o Grêmio era “muito favorito” para as quartas de final da Libertadores, mudou o discurso para o duelo decisivo desta quarta-feira, no Nilton Santos.

Coluna de  Pedro Ernesto Denardin sobre Botafogo x Grêmio pelas quartas de final da LibertadoresColunista do Zero Hora destaca dificuldade do técnico Renato Gaúcho (Foto: Reprodução)

Em sua coluna publicada na véspera da partida, Pedro Ernesto, que também é narrador da Rádio Gaúcha, afirmou que o Grêmio precisa fazer “engenharia” e “mágica” para sobreviver no Rio de Janeiro, já que sofre com muitos desfalques para enfrentar o Glorioso.

O jornalista lembra que Douglas, Bolaños, Lincoln, Gata Fernández, Maicon, Michel, Pedro Rocha e Luan não estarão à disposição do técnico Renato Gaúcho. Além deles, o zagueiro Geromel, que não foi citado na publicação, ainda é dúvida para o confronto.

Parece que o jogo virou, não é mesmo?

Saudações alvinegras!

Renato Gaúcho no treino do GrêmioRenato Gaúcho não terá Luan e Pedro Rocha no ataque gremista (Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA)