O Botafogo recebeu às 19h13 desta terça-feira um pedido de cancelamento da reunião extraordinária do Conselho Deliberativo. O encontro, marcado para noite desta quarta no palacete de General Severiano, é cercado de expectativa por conta de uma votação que pode antecipar futuras receitas do clube. Um protesto de torcedores foi combinado na internet para o local.

Apesar da protocolação do impugnante Alison Falcão Ribeiro, que alega o não cumprimento do intervalo mínimo para a convocação da Assembleia Geral (dez dias), o plenário agendado há cinco dias deve ser mantido. Segundo membros do grupo político do presidente Nelson Mufarrej, consultados pelo Boletim do C.E, o pedido não tem fundamento por se tratar justamente de uma “reunião extraordinária”.

Veja a solicitação de impugnação abaixo: