Carlos Eduardo Sangenetto
08/11/2017
Rio de Janeiro (RJ)

Põe na Conta” é a nova websérie da Globo. Projeto vencedor do Globo Lab, disponível no Gshow desde os primeiros dias de novembro, a atração cômica se passa em um “bar de gente morta”, que na verdade é um purgatório gerenciado pelo bartender Lázaro (Felipe de Paula). Lázaro, torcedor do Botafogo, é torturado todos os dias com um capítulo traumático para todo alvinegro.

Põe na Conta, websérie da Globo, menciona o BotafogoTorcida do Botafogo recepciona o time no Maracanã na abertura da websérie (Foto: Reprodução/Gshow)

Como penitência para entrar no paraíso, o botafoguense é obrigado a assistir repetidamente, em uma televisão, à finalíssima do Carioca de 2007, campeonato que o Glorioso foi vice-campeão para o Flamengo após dolorosos erros de arbitragem. No episódio 2, quando é questionado por um cliente por que a TV do bar não transmitia outra coisa que não fosse a partida de futebol, Lázaro respondeu:

“Essa televisãozinha fica passando a final do Campeonato Carioca de 2007 em looping, mais especificamente o impedimento mal marcado do Dodô que nos custou o campeonato.  É pra me torturar. Eu sabia que esses caras tinham conchavo com o Flamengo, eu sabia!”, exclamou o atendente, que era advogado, quando vivo.

Põe na Conta, websérie da Globo, menciona o BotafogoDodô encobre goleiro Bruno enquanto Lázaro diz que Flamengo tem ‘conchavo’ (Foto: Reprodução/Gshow)

Procurado pelo Boletim do C.E, o roteirista Gabriel Ritter explicou a inserção do Fogão na cena. Segundo o autor, que é torcedor do Fluminense, não houve a intenção gratuita de provocar.

– Me parece só uma noção coletiva de quem curte futebol de que Botafogo combina com sofrimento, e um tipo específico de sofrimento, meio resignado assim, e que esse jogo meio que catalisou tudo isso na época e virou meio mítico e simbólico desse ethos botafoguense, que combina demais com o fardo do Lázaro.

Põe na Conta, websérie da Globo, menciona o BotafogoTorturado, Lázaro não consegue trocar de canal que transmite final do Carioca (Foto: Reprodução/Gshow)

Botafogo é lembrado pela segunda vez em dois meses em séries da Globo

Não foi a primeira vez em que sofrimento e Botafogo foram relacionados em produções recentes da Globo. Na primeira semana de setembro, a minissérie “Sob Pressão” exibiu uma cena em que um médico, interpretado pelo ator Pablo Sanábio, proferiu para sua equipe, durante um atendimento, a seguinte fala: “Botafoguense só se ferra, né?” (relembre).

Saudações alvinegras!