Botafogo tenta liberação de Rodrigo Aguirre com a UdineseOrçamento apertado do Botafogo dificulta pagamento por Rodrigo Aguirre (Foto: Reprodução)

Carlos Eduardo Sangenetto
30/01/2018
Rio de Janeiro (RJ)

O Botafogo segue estudando a contratação do atacante Rodrigo Aguirre. A novidade na negociação nesta terça-feira é que a Udinese, dona dos direitos do jogador, topou reduzir a pedida de 500 mil dólares (cerca de R$ 1,6 milhão), inicialmente feita pelo contrato de empréstimo, para 400 mil dólares (aproximadamente 1,3 milhão). Apesar do preço mais baixo, o Alvinegro ainda rema para arrecadar fundos por causa do orçamento apertado de 2018.

A diretoria já teria reunido um pouco mais da metade deste valor, restando a outra parte para pagar ao clube italiano e, consequentemente, conseguir a liberação do uruguaio de 23 anos. A cúpula botafoguense analisa o caso e tenta adquirir, com a ajuda de parceiros, o dinheiro faltante para dar a carta final no negócio. O salário de Aguirre está dentro da realidade financeira do departamento de futebol e não é considerado um problema.