Após semanas de negociação, finalmente o atacante uruguaio Rodrigo Aguirre foi apresentado pelo Botafogo. O jogador, de 23 anos, renovou seu contrato com a Udinese e foi emprestado ao clube carioca. Na sua chegada, ele voltou a ressaltar a felicidade de vestir as cores da equipe de General Severiano.

“Quero agradecer ao presidente, vice-presidente, ao Felipe Neto. Desde o momento que me falaram de Botafogo senti o carinho de todas as pessoas. Foi uma de tantas coisas que me fizeram vir ao clube. Dessa história linda com os uruguaios. Estou muito feliz. Prometo trabalhar muito, dar sempre o máximo, estar preparado para cada partida. É uma das coisas que me caracteriza. Muita força e muito trabalho”, afirmou.

A histórica de Loco Abreu no Botafogo voltou a ser tema. Aguirre ressaltou a importância do ídolo alvinegro, mas se disse pronto para construir sua própria trajetória em General Severiano.

“Todos sabemos o que fez Loco Abreu aqui. Como uruguaio me sinto orgulhoso pois é ídolo da seleção, do Botafogo. Não o conheço pessoalmente. Ele fez sua história, hoje estou eu, espero fazer grandes coisas como ele ou mais para deixar marca com meu nome”, disse.

Antes de acertar com o Botafogo, o jogador foi especulado no Fluminense. Apesar do próprio agente do uruguaio ter confirmado o interesse do Tricolor, Aguirre disse que nunca negociou com o clube das Laranjeiras.

“Capaz que falaram com meu empresário, mas eu nunca soube. Só vi pelas redes sociais. Meu agente nunca me chamou para falar do Fluminense, a ter contato oficial do clube”, finalizou.

Fonte: O Dia Online