Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

25/04/21 às 00:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Macaé
MAC

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

1

X

0

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Assumpção explica crise no Bota, falta de salários e demissões: ‘A culpa é minha’

0 comentários

Compartilhe

O presidente do Botafogo, Mauricio Assumpção, concedeu entrevista ao programa “Esporte Espetacular”, da “TV Globo”, para falar da crise no clube, um pouco amenizada pela vitória por 1 a 0 sobre o Corinthians. Ele explicou o problema financeiro, as demissões de Emerson, Edílson, Bolívar e Julio Cesar, e assumiu a culpa.

Leia as declarações do presidente:

– É claro que essa diretoria tem responsabilidade. O que aconteceu no último ano do mandato mascara o que aconteceu nos últimos cinco anos.

– Hoje 100% das nossas receitas estão penhoradas. Ninguém trabalha ou consegue sobreviver com 100% de penhora. O Botafogo não deixou de pagar tributo apostando na lei de responsabilidade de fiscal, deixou porque não tinha dinheiro nem para pagar compromissos. Como ia pagar tributos?

– Bate mais que o desespero, não dormir, pensar sozinho, se emocionar, chorar. Faz parte de qualquer ser humano, não seria diferente comigo.

– Se eu imaginar que com esse equipamento (Engenhão) fizemos lucro de R$ 12 milhões em 2012, jogos, eventos, camarotes, patrocínios… Em 2013 perde isso e em 2014 não tem. Seu caixa sofre um impacto violento de perder R$ 20 milhões por ano. Vai merecer ação na Justiça contra a Prefeitura.

– (sobre as demissões) Olhava a situação do Botafogo, na zona de rebaixamento, e com atitudes que eu não concordava. A responsabilidade recai sobre mim, então tem que ser da forma como eu acredito que devem ser feito.

– Não tem outro culpado. A culpa é minha.

– (sobre não poder jogar no Maracanã por causa de penhora de Joel Santana) Obviamente não interessa ao Consórcio o Botafogo fazer jogos lá, porque vão ter prejuízo certo. O próximo jogo vamos ter que fazer em Volta Redonda.

Comentários