Com uma equipe bastante desfigurada e já em clima de férias, o Botafogo se despediu do Campeonato Brasileiro com derrota para o Atlético-MG por 1 a 0 na noite deste sábado, no Independência, em Belo Horizonte. Classificado para a Copa Sul-Americana, o Glorioso agora espera o complemento da última rodada para saber se terminará na 9ª ou 10ª colocação, dependendo do resultado de Sport x Santos.

Sem poder contar com Carli, Gilson, Rodrigo Lindoso, Luiz Fernando, Leo Valencia, Erik, Brenner, entre outros, o Botafogo vinha de seis jogos de invencibilidade, mas acabou sendo superado pelo Galo, que com a vitória garantiu a classificação para a próxima Libertadores. Logo no começo, Yuri – surpresa na escalação – salvou duas vezes quase em cima da linha, em finalizações de Ricardo Oliveira e Luan.

O gol da vitória atleticana saiu aos 17 minutos: Luan rolou entre as pernas de Moisés para Emerson, que passou pela marcação no lado direito e rolou para trás para Cazeres completar quase da marca do pênalti, sem chances de defesa para Gatito Fernández. O Botafogo só foi criar chances perigosas no segundo tempo: Kieza perdeu na cara com o goleiro no primeiro minuto, e Rodrigo Pimpão cabeceou com perigo, aos 18.

O Fogão seguiu superior ao Atlético-MG na etapa final, mesmo com muitos desfalques, atacando mais. Nos acréscimos, Kieza teve a bola do jogo. Rodrigo Pimpão cruzou da direita e o atacante, sozinho, testou para fora, perdendo uma chance inacreditável.

Agora, o Botafogo entra em férias e começa a discutir mais detalhadamente a montagem do elenco para o ano que vem. O próximo compromisso oficial será a estreia no Campeonato Carioca, dia 19 ou 20 de janeiro, contra a Cabofriense, fora de casa.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-MG 1 X 0 BOTAFOGO

Local: Arena Independência
Data-Hora: 1/12/2018 – 19h
Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC)
Assistentes: Kleber Lucio Gil (Fifa/SC) e Neuza Ines Back (Fifa/SC)
Renda e público: R$ 313.452,00 / 22.365 torcedores
Cartões amarelos: Leonardo Silva, Elias, Emerson, Victor (ATL); Yuri, Matheus Fernandes, Rodrigo Pimpão (BOT)
Cartões vermelhos:
Gols: Cazares 17’/1ºT (1-0)

ATLÉTICO-MG: Victor; Emerson, Leonardo Silva (Gabriel 10’/2ºT), Iago Maidana e Fábio Santos; Adilson, Elias (Zé Welison 28’/2ºT), Luan, Cazares e Chará; Ricardo Oliveira (Terans 34’/2ºT) – Técnico: Levir Culpi.

BOTAFOGO: Gatito Fernández; Marcinho, Marcelo Benevenuto, Igor Rabello e Moisés; Matheus Fernandes, Gustavo Bochecha (João Paulo 25’/2ºT) e Marcos Vinícius (Leandrinho 15’/2ºT); Yuri (Ezequiel 15’/2ºT), Rodrigo Pimpão e Kieza – Técnico: Zé Ricardo.

Fonte: Redação FogãoNET