A negociação entre Botafogo e Atlético-MG pelo zagueiro Gabriel ganhou um novo episódio neste mercado da bola. Os mineiros pediram 3 milhões de euros (cerca de R$ 13,6 milhões) aos cariocas, que não contam com a quantia. Isso, no entanto, está longe de definir a permanência do defensor em Belo Horizonte.

Loja do FogãoNET por Estilo Piti | O Site oficial do torcedor do Botafogo

Ciente da vontade do jogador em ficar no Botafogo, a diretoria já avisou que fará de tudo para manter Gabriel em 2020. Uma das tentativas é fazer uma troca com o Atlético-MG, mas os mineiros não parecem dispostos a perder seu atleta a não ser pelo dinheiro.

Assim, o Botafogo utilizará bastante a paciência. É que existem algumas sondagens por jogadores do atual elenco e isso pode mudar o rumo das conversas. Se chegar uma proposta oficial, o Alvinegro Carioca poderá ter o dinheiro para repassar ao Atlético-MG e, finalmente, definir a permanência do atleta.

Portanto, o que se promete é uma novela bem dramática, longa e com o final totalmente indefinido a esta altura do campeonato. O certo é que Gabriel quer ficar no Botafogo, que também quer o atleta. Por outro lado, o Atlético-MG solicitou o retorno do zagueiro, que até já se recusou a assinar a rescisão em duas oportunidades.

Loja do FogãoNET por Estilo Piti | O Site oficial do torcedor do Botafogo

O Botafogo se reapresenta na próxima quarta-feira (8), no Estádio Nilton Santos. Após realização de exames médicos, os jogadores seguirão para Domingos Martins, no Espírito Santo, onde ficarão entre os dias 12 e 24. As duas primeiras partidas do ano serão em 18 e 21, contra Volta Redonda e Madureira, respectivamente. Nesses duelos, o Alvinegro utilizará uma equipe sub-20.

O planejamento do Botafogo inclui fazer um amistoso entre os dias 18 e 21 de janeiro, no estádio Kleber Andrade, em Cariacica. O adversário deverá ser o Vitória Futebol Clube.

Fonte: UOL