O Atlético-MG se prepara para enviar a cartada final ao Botafogo pela contratação de Igor Rabello. O Galo recusou a inclusão de Danilo Barcelos, que já tem acordo para defender o Vasco por empréstimo em 2019, e ajusta detalhes para tentar um acordo pelo zagueiro até a próxima sexta-feira (28).

A ideia da diretoria mineira é pagar cerca de R$ 15 milhões e colocar Gabriel por empréstimo no negócio com os cariocas.

Foi enviada uma lista com diversos atletas a General Severiano. Segundo apuração do UOL Esporte, poucos nomes agradaram o time carioca e isso foi um dos motivos na insistência em Danilo Barcelos. Sem o lateral, Gabriel foi a melhor opção para os cariocas.

Os mineiros querem agilizar a negociação para contar com Igor Rabello. A ideia do presidente Sérgio Sette Câmara é que todo o elenco esteja à disposição de Levir Culpi na primeira quinzena de janeiro, visando a estreia na Libertadores, marcada para 5 de fevereiro, contra o Danubio, do Uruguai.

BMG e MRV ajudam em negócio

O Atlético conta com o aporte de Ricardo Guimarães, do BMG, e Rubens Menin, da MRV, conselheiros beneméritos e patrocinadores do clube, para tirar Igor Rabello de General Severiano.

O Botafogo, por sua vez, vive situação delicada fora de campo e a venda do zagueiro já é vista como fundamental para o clube. Após vender Matheus Fernandes, o Alvinegro precisa de mais grana para fechar o ano e ter maior folga na próxima temporada.

Fonte: UOL